SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 21 de julho de 2012

Minha Alma






Encontro maravilhoso,
Entre comuns pensamentos,
Procurando, por momentos,
Ouvir, da vida, tal gozo.

Matei a fome, ao escutar
A tua voz, como um fio,
Vindo do seio; senti-o
Estremecer e pulsar.

Deste-me estranha alegria
E também me saciaste
A fome que em mim nascia.

Sabe quanto te entregaste
Na busca do amor que havia
Na Alma que, em mim, buscaste.


 


SOL da Esteva

Etiquetas: , , ,

44 Comentários:

Blogger AnaClarissa disse...

Retrato perfeito dos frutos do amor na alma do SOL! Anos de longas felicidades!

Abraço!

21 de julho de 2012 às 10:55  
Blogger Célia Rangel disse...

Essa estranha alegria que nos sacia é o amor verdadeiro!
Belo e tocante poema! Abraço, Célia.

21 de julho de 2012 às 13:01  
Blogger Dorli disse...

Olá Sol:
O amor brota, morre e renasce em nossos corações
Lindo soneto de amor...
Abraços
Lua Singular

21 de julho de 2012 às 15:47  
Blogger António Manuel Conceição Santos disse...

Sempre a divagar sobre o amor!
Que coisa bonita que nos envolve e nos deixa sem folego ao sabor deste fruto tão saboroso que se chama "amor", que quanto mais se come mais apetite se fica...
Um abraço cá do Algarve

21 de julho de 2012 às 16:05  
Blogger Dayse Sene disse...

Que lindo!
Gostei muito , muito.
"Matei a fome, ao escutar
A tua voz, como um fio,
Vindo do seio; senti-o
Estremecer e pulsar."
Perfeito verso.
Um dia lindo.
Grande abraço.

21 de julho de 2012 às 16:36  
Blogger Imperatriz Sissi disse...

Muito bonito. O verso mencionado pela Dayse também é o meu preferido...

21 de julho de 2012 às 18:48  
Blogger *Simone Poesias* disse...

Poesia que nos toca profundamente. Adorei!
Bjinhos no ♥

Ps: senti falta das músicas rs

21 de julho de 2012 às 19:21  
Blogger Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Sol. Um soneto emocionante que induz à felicidade ímpar, e isso é sem dúvida extremamente bom.
Esse encontro de pensamentos comuns, como disse você, na minha opinião transmite uma imensa leveza, um aconchegante viver, e assim tudo é infinitamente mais belo.
Beijos na alma, e fique na paz!

21 de julho de 2012 às 21:04  
Blogger josenaide coelho disse...

Tudo tão simples e complicado ao mesmo tempo.

22 de julho de 2012 às 00:19  
Blogger josenaide coelho disse...

Sintonia existe sabia e eu sei sintonizar perfeitamente quando necessito.

22 de julho de 2012 às 00:21  
Blogger josenaide coelho disse...

Você tbm sabe.

22 de julho de 2012 às 00:21  
Blogger Mariangela disse...

Cheio de amor, até a alma entregaste...
Lindo Sol!
Beijo,
Mariangela

22 de julho de 2012 às 01:05  
Blogger Leandro Ruiz disse...

Quando se tem um amor verdadeiro, estamos entregue de corpo e alma.

Bom fim de semana!

Leandro Ruiz

www.plus.google.com/115524738625459865358/about

www.lleandroaugustto.blogspot.pt

www.eu-e-o-tempo.blogspot.pt

22 de julho de 2012 às 01:23  
Blogger J Araújo disse...

Acordar sonhando ou sonhar acordado é o maximo que pode acontecer conosco.

O ser humano é um dos maiores sonhares.

Gostei do blog

abraço

22 de julho de 2012 às 20:06  
Blogger Jossara Bes disse...

Sol, Querido!

Linda poesia!
Que felicidade poder falar e falar de amor,
de amar...
Tenha uma linda semana!
Beijos!

22 de julho de 2012 às 22:07  
Blogger Sonhos e Carinhos disse...

Olá amigo!
Passando pra ver as novidades e desejar um inicio de semana lindo cheio de paz.
Lindo poema onde fala de amor... amor é um AMIGO e não fiz visitinham mas cá estou para deixar meu carinho...
A amizade é tudo!

É se dar sem esperar
Nada em troca dessa união
É ter alguém pra contar
Na indecisão!
Nunca se desesperar
Sempre ali pra estender a mão
Maior valor não há!
É feito irmão!
abraços carinhosos..

22 de julho de 2012 às 23:08  
Blogger BlueShell disse...

Mais um belíssimo poema a encantar o meu início de semana!
Obrigada!

23 de julho de 2012 às 07:18  
Blogger mfc disse...

A reciprocidade do amor é sempre linda!
Um grande abraço.

23 de julho de 2012 às 09:38  
Blogger Dorli disse...

Boa tarde Sol

A vida nasce com o crepúsculo do amanhecer
Vivemos a intensidade do crepúsculo do entardecer
Sonhamos e concretizamos no crepúsculo do anoitecer

E assim vamos vivendo a sonhar e a concretizar
Fazendo amigos que serão para com eles sonhar
São eles, os sinceros amigos,que vão nos alegrar
A qualquer hora estão ao nosso lado para nos amar

Como é bom ter um amigo na vida para desabafar
Dividindo as alegrias, as tristezas e depois calar
A cumplicidade d'uma amizade que aprendemos a olhar
Com os olhos do amor, das expectativas da vida e pensar

Somos filhos Filhos do Divino e só ele poderá nos guiar
Num mundo cheio de emoções, paixões e poder alto falar
Nós precisamos de Ti, nosso Deus, para acordamos à cantar

23 de julho de 2012 às 18:19  
Blogger Dorli disse...

Olá Sol
Desculpe o erro do primeiro verso da última estrofe, estou meio cega.

Somos filhos do Divino e só Ele poderá nos guiar

Abraços
Lua Singular

23 de julho de 2012 às 18:23  
Blogger Dolce Vita disse...

Belíssimo!

23 de julho de 2012 às 19:13  
Blogger »♥«Nati Caetano»♥» disse...

Olá, querido amigo Sol.
Maravilhoso poema,o amor que se tem na alma, sacia a fome do querer e do desejo, muito além de quem o busca.Belo demais.

Tenha um boa tarde e uma feliz semana.Beijos

23 de julho de 2012 às 21:06  
Blogger Elio disse...

Sol, il giorno in cui pubblicherai le tue poesie ti chiederò di vendermi il libro per poter leggerle con calma e l'aiuto di un vocabolario. Il traduttore purtroppo non riesce a rendere la bellezza dei versi. Buona serata.

23 de julho de 2012 às 21:16  
Blogger Cecilia Gonçalves disse...

Belíssimo poema romantico. O amor que sacia a fome do tanto querer, do tanto gostar. Infinito. Parabéns. Abraços cordiais. Cecilia Gonçalves.

23 de julho de 2012 às 21:41  
Blogger Evanir disse...

Meu Querido Amigo Sol.
Ler seus poemas que já conheço tão bem é motivo de alegria para mim
sei que cada verso sai do fundo do seu coração.
Ontem te enviei um email meu anjo amigo espero que possa me responder .
Deus te abençoe sempre anjo amigo beijos no seu coração,Evanir

24 de julho de 2012 às 14:56  
Blogger MARILENE disse...

Você tem uma capacidade incrível para falar de amor. Seus versos carregam grande sensibilidade e, para qualquer lado que se mova, nos encanta. Muito lindo! Bjs.

24 de julho de 2012 às 20:05  
Blogger Manuel disse...

Não explicar bem porque, mas gosto da sua poesia porque gosto.
Adoro a sensibilidade e a forma apaixonada como canta o amor.
É sempre um prazer enorme ler os seus sonetos.

24 de julho de 2012 às 21:20  
Blogger Lilá(s) disse...

É linda a sensibilidades que se sente em cada verso. Belíssimos poemas românticos!
Bjs

24 de julho de 2012 às 23:28  
Blogger Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Comunhão de almas,
na poesia que encanta,
num belo encontro de amor..

Um beijo,
querido SOL!

25 de julho de 2012 às 00:32  
Blogger ELAINE disse...

Adortei a poesia, meu amigo! Verdadeira entrega de amor! Espero que tenhas conseguindo resolver os problemas do PC....
Quinta-feira, dia 26, tem post novo!
Uma abençoada e feliz quarta-feira!
Carinhoso abraço!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

25 de julho de 2012 às 11:48  
Blogger Maria Alice Cerqueira disse...

Ola prezado amigo
Hoje é apenas para agradecer a sua presença no meu recanto.
Muito obrigada!
Um lindo dia para voce.
abraço muito amigo
Maria Alice

25 de julho de 2012 às 13:50  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

um soneto onde o mote é o amor.

muito bom (como sempre)!

um beij

25 de julho de 2012 às 13:55  
Blogger Sylvia Rosa disse...

Sempre maravilhoso matar a fome de amor... Tenha um dia espetacular o obrigada pelo carinho de sempre! bj

25 de julho de 2012 às 14:53  
Blogger Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Sol. Passei para ver se havia postado, uma vez que já deixei o meu comentário em tão linda poesia, e quero registrar que tenho uma saudade imensa de você e sempre terei!
Beijos na alma, amigo!
Fique com Deus e tudo de bom.

25 de julho de 2012 às 17:21  
Blogger Sonhos e Carinhos disse...

Passando pra ver as novidades e desejar uma linda tarde..

beijos carinhosos

25 de julho de 2012 às 18:12  
Blogger Multiolhares disse...

quando as almas estão em sintonia nada mais belo do que isso
beijinhos

25 de julho de 2012 às 20:55  
Blogger rosa-branca disse...

Olá amigo Sol, é sempre um prazer lavar a alma com os teus lindos sonetos. Adorei. Beijos com carinho

25 de julho de 2012 às 23:16  
Blogger **♥✿Franciete-✿♥** disse...

Olá meu amigo, fico emenssamente grata pela sua visita e pelas palavras deixadas, a vida tem sempre qualquer coisa escondida para nos deitar abaixo quando menos se espera.
Mas enfim não vale a pena fazer grandes espectativas, isto por cá será sempre uma passagem.
Quanto ao seu poema lindo como todos os que tem escrito...
PS: há gosto muito da sua musica é linda

26 de julho de 2012 às 11:52  
Blogger La Gata Coqueta disse...

Amigo "[...]Nunca estarás completamente solo
un pedazo mío siempre estará contigo,
una cosa siempre te podré brindar,
el regalo de mi amistad,
para que tú lo aceptes.[...]"

Mi querido amigo, ha sido un placer ver las hurellas de tus letras, que me han tocado el corazón de gozo y armonía al comprender que soy recuerdo y no olvido.

El encuentro entre pensamientos comunes, siempre suelen ser maravillosos si albergan sentimientos que descansan en el alma para siempre...

Un abrazo de felicidad para continuar soñando.

Tua miga

María del Carmen

26 de julho de 2012 às 12:18  
Blogger Anne Lieri disse...

Aqui,sempre faço um pouso tranquilo e mergulho em teus belos versos com tranquilidade!Lindo demais!bjs,

26 de julho de 2012 às 15:54  
Blogger Manuel Luis disse...

Sempre lindo quando se tem vontade de o construir.
Desta vês acordei de uma anestesia e ainda bem. Obrigada pelas palavras de conforto.
Estou bem, abraço

26 de julho de 2012 às 19:50  
Blogger Leninha disse...

Mais um lindo poema,amigo Sol!Já dizia o poeta:"Para tão grande amor,tão curta vida..."
Obrigada pelo carinho e pela visita constante!E,embora com atraso,um feliz Dia do Escritor...e um feliz Dia dos Avós(se for avô)

Bjssssss,
Leninha

26 de julho de 2012 às 22:58  
Blogger Cristina disse...

Que bello! Un poema encantador, te dejo un fuerte abrazo.
Buen fin de semana.

27 de julho de 2012 às 04:26  
Blogger Rosa E. disse...

Bello poema Sol, suavidad en tus letras.
Buen fin de semana

27 de julho de 2012 às 13:51  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial