SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 11 de agosto de 2018

O Espírito e a razão




Haja lógica
Na ciência de amar.
Encontre-se na vida
O Amor e o seu par.

Arraste-se, de ventre no chão
E lágrimas de dor,
O ódio e o rancor.
Mas não exista, não,
Forma de sofrer
Que se compare
A inexistência do viver
Ou ausência de Amor.

Chilreie o passarinho
Desde o seu ninho;
Abra-se a flor mais perfumada;
Veja-se de mansinho,
Como os passos de menino,
A Alma desbravada.

Possam, enfim, ser quem são:
O Espírito e a razão.


SOL da Esteva


Etiquetas: , ,

16 Comentários:

Blogger Olinda Melo disse...

Olá, Sol da Esteva

Talvez o Amor/Paixão fuja um pouco da Lógica. Mas o Amor, digamos, consolidado, o Amor aos nossos entes queridos, Amor ao nosso próximo, comungará da lógica do altruísmo e da solidariedade, combatendo assim o ódio e o rancor.

Abraço

Olinda

11 de agosto de 2018 às 09:09  
Blogger Célia Rangel disse...

A união suprema do "Espírito com a razão" é um embate difícil de harmonizar-se. Mas, quando o conseguimos sentimo-nos completos.
Abraço.

11 de agosto de 2018 às 13:08  
Blogger Larissa Santos disse...

Parabéns. Excelente Poema:))


Hoje, do Gil António; Lágrimas de doce felicidade

Bjos
Votos de um óptimo Sábado

11 de agosto de 2018 às 14:39  
Blogger Prestigiando seu Dia disse...

Que o ódio jamais esteja presente nos corações,que o amor seja superior aos efeitos espitituais contra nossos inimigos interiores. Grande postado!

Deixo o link da minha singela homenagem aos pais!

https://afetocolorido.blogspot.com/2018/08/feliz-dia-dos-pais.html

Feliz final semana!
Paz e Bem querido amigo!

Bjss!

11 de agosto de 2018 às 14:45  
Blogger Janita disse...

Irmanada num consenso, de bom-senso, leio aqui, um poema lindo.
Haja Amor e fraternidade, sem ódio nem inveja.
Que desabroche toda a Natureza, desde a flor, o passarinho e o menino.
Para isso é urgente Paz e Concórdia...

Beijinhos, SOL!

Feliz fim-de-semana.

11 de agosto de 2018 às 16:45  
Blogger lua singular disse...

Oi Sol,
Que linda poesia.
Tudo o que se fala do amor é belo.
A vida sucumbi sem amor
Beijos no coração
Lua Singular

12 de agosto de 2018 às 02:02  
Blogger A Nossa Travessa disse...

Meu caro Solamigo

Transcrevo:
Possam, enfim, ser quem são:
O Espírito e a razão.


Mais um belo poema com uma conclusão que acima transcrevo e que resume o mistério da vida e da ciência de amar.

Um abração deste teu amigo e admirador
Henrique, o Leãozão

INFORMAÇÃO
Cumprindo uma “ordem” da Janitamiga está publicado na Nossa Travessa um textículo mais divertido com o título O meu nome é Batalhão. Na próxima sexta-feira espero retomar a saga É DIFÍCIL VIVER COM UM IRMÃO MONGOLÓIDE. A vida é feita de contrastes.


12 de agosto de 2018 às 02:51  
Blogger Rita Sperchi disse...

Bom dia de domingo dia dos pais
que seja festa aos pais vivos, e que
Deus proteja os que estáo com eles,
agradeço sua amizade e deixo
Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!

12 de agosto de 2018 às 13:52  
Blogger Gil António disse...

Boa tarde:- Poema lindíssimo. É fascinando ler o que escreve. Gostei demais.
.
* Versos Poéticos de Amor ( Poetizando e Encantando ) *
.
Votos de um domingo muito feliz

12 de agosto de 2018 às 18:35  
Blogger Mum disse...

Lindo poema...Linda foto que significa muito para mim. Gostei a dobrar....

12 de agosto de 2018 às 19:08  
Blogger Paula McGill disse...

AMEI x 2 !!!

12 de agosto de 2018 às 21:35  
Anonymous Arte & Emoções disse...

O amor ainda é um dos maiores fomentos da nossa existência. Belo e profundo o teu poema amigo.

Abraços e uma ótima semana para vti e para os teus.

Furtado

13 de agosto de 2018 às 21:38  
Blogger Evanir disse...

Com Dia .
Querido amigo Sol.
Estou afastada tentando voltar
aos poucos.
Estão com problemas nas mãos o que tem me impedir de sair
fazendo visitas.
Mas com certeza vou aos poucos
visitar a quem nunca me deixou sozinha.
Obrigada pela sua amizade feliz final de semana.
Te abraço forte com carinho.
Rvanir.

16 de agosto de 2018 às 13:11  
Blogger Manuel disse...

Caro Sol, andei por aqui perdido a ler muitos belos poemas.
Há muito que não vinha ao Blogue, hoje voltei, e comecei por me alimentar neste teu espaço.
Não sei se fico, mas visitar os amigos vou fazer.
Estas cada vez maior poeta. Um abraço

16 de agosto de 2018 às 14:43  
Blogger Jaime Portela disse...

Pois... mas o amor e a razão raramente andam de mãos dadas...
Parabéns pelo poema, é excelente.
Caro amigo, continuação de boa semana.
Um abraço.

16 de agosto de 2018 às 20:22  
Blogger Fá menor disse...

... E o Amor não acabará jamais!

Beijinhos, amigo Sol!

17 de agosto de 2018 às 14:21  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial