SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 11 de novembro de 2017

Paz com equidade (Armistício)





Armistício, acto grande após a dor,
Harmonizou Paz, tranquilizou a Terra.
Mas tanta gente, desconhecendo o Amor,
Repete iguais acções, mesmo pela guerra.

Todo o Mundo está esquecido dos tormentos
Que os Povos já sofreram no passado.
Pausar para reflectir por uns momentos
É Dever Sagrado dos homens de Estado.

Ignorar a História é um fraco argumento.
Pobre ignóbil, é aquele que engrandece
O seu (des)aprumo e a sua vaidade.

Rico, é manter recto o seu pensamento,
Pelo bem comum do Povo que o merece,
Promovendo Amor e Paz com equidade.




SOL da Esteva

Etiquetas: , , , ,

14 Comentários:

Blogger Gil António disse...

Bom dia

Um Soneto maravilhoso, diferente no seu contento, mas grandioso no seu conteúdo. Gostei muito
.
[ Tema de hoje: ""Chegam as ondas, molhando o areal de esperança""]
.
Deixo cumprimentos poéticos e votos de um Sábado muito feliz.
.

11 de novembro de 2017 às 08:56  
Blogger Célia Rangel disse...

Com vaidade em primeiro plano, o homem se esquece da igualdade entre todos e usa de subterfúgios para engrandecimento próprio. Esquece que assim, se torna cada vez mais pedinte do amor e da paz.
Abraço.

11 de novembro de 2017 às 11:01  
Blogger lua singular disse...

Ou Sol,
O homem vive constantemente em guerras, e as armas são piores que as bomba e as armas, elas saem da boca que ferem a alma e o coração, Daí surge a mágoa e a depressão.
Ninguém consegue mais viver bem em sociedade, perderam-se os valores e o respeito mútuo.
Hoje vive-se porque nascemos.
Beijos
Lua Singular

11 de novembro de 2017 às 17:03  
Blogger lua singular disse...

Sol,
Desculpa o erro "Oi"
Lua Singular

11 de novembro de 2017 às 17:04  
Blogger lua singular disse...

Sol,
Comentei na postagem abaixo
Desculpa
Beijos
Lua Singular

11 de novembro de 2017 às 17:11  
Blogger Larissa Santos disse...

Que bonito... Parabéns

Bjos
Um Domingo de Paz e Amor

12 de novembro de 2017 às 15:43  
Blogger Fá menor disse...

Belo momento!

Pois mantenhamos sempre rectos os nossos pensamentos.

Boa semana, amigo!

Bjs

13 de novembro de 2017 às 14:07  
Anonymous Arte & Emoções disse...

Rico, é manter recto o seu pensamento,
Pelo bem comum do Povo que o merece,
Promovendo Amor e Paz com equidade.

Atributo bem difícil de se encontrar atualmente.

Belo e profundo o teu soneto.

Abraços e uma ótima semana para ti e para os teus.

Furtado

13 de novembro de 2017 às 14:12  
Blogger Beatriz Bragança disse...

Visito vários blogues e o seu foi o único que se lembrou de honrar esta importante data com tão bonito poema!
Um belíssimo soneto a recordar um dia que, afinal, não foi, na realidade, o fim de conflitos entre humanos.
Oxalá se cumpra o que escreveu no último terceto.
Parabéns.
Um abraço
Beatriz
http://pegadasdeanjo.blogspot.com
VIDA E PENSAMENTOS

13 de novembro de 2017 às 15:30  
Blogger Maria Rodrigues disse...

Maravilhoso e sentido soneto.
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

13 de novembro de 2017 às 20:19  
Blogger Luis Coelho disse...

Bons momentos se encontram aqui escritos. A paz depois da guerra.
«Rico, é manter recto o seu pensamento»

14 de novembro de 2017 às 04:48  
Blogger Smareis disse...

Muito bonito esse poema. A foto é linda Sol!
Um beijo!
Continuação de boa semana!

17 de novembro de 2017 às 03:46  
Blogger Jaime Portela disse...

A paz é uma das maiores maiores riquezas da humanidade. Quer seja a título individual ou colectivo.
Excelente poema, parabéns.
Bom fim de semana, caro amigo.
Um abraço.

17 de novembro de 2017 às 10:33  
Blogger Paula disse...

Ha 1 mes que estou a usar a papoila para que todos aqueles que se foram para nos defender saibam que estao a ser lembrados. Que vao sempre ser lembrados.

17 de novembro de 2017 às 21:16  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial