SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 4 de junho de 2016

Doce encanto




 

O encanto, Amor, é mais encanto,
Quando se ouve a voz que o traduz.
O encanto só é desencanto
Quando, á tua estrela, falta luz.

Fonte de ti, jorra encanto tanto,
Que dessedenta a sede que sinto.
O encanto esconde-se num manto,
Para o mundo não o ver distinto.

A penumbra doce, iniludível,
Oculta o Amor inextinguível
Que propaga fogo ígneo e vivo.

Seja, o tempo, a doce mortalha
A rodear, como uma muralha,
O meu doce encanto exclusivo.



SOL da Esteva

Etiquetas: , , ,

20 Comentários:

Blogger Luis Coelho disse...

Um soneto e tanto onde se acrescenta o encanto.
De salientar uma mensagem viva e uma musicalidade que nos desperta os sonhos.
Abraços de amizade bom amigo

4 de junho de 2016 às 12:53  
Blogger Sara com Cafe disse...

Que seja doce, profundo e verdadeiro.

abraço
e lindo final de semana!

4 de junho de 2016 às 14:56  
Blogger Jossara Bes disse...

Oi Sol!
Encanto de poesia!
Encanto de fotografia!
Encantada eu, de tanta melodia!
Beijo carinhoso!

4 de junho de 2016 às 17:55  
Blogger Maria Luiza disse...

Olá amigo Sol, seu poema fala do amor do encanto que dele precede. E é tão bom mergulhar nesse encantamento quando o lemos! Amei! Meu abraço terno!

4 de junho de 2016 às 19:01  
Blogger António Manuel - Tómanel disse...

E que encanto!
Quando se ama, claro.
Um abraço cá do Algarve.

4 de junho de 2016 às 22:56  
Blogger Célia Rangel disse...

O encanto em esconder o encanto amoroso, torna-se a chama que o incendeia! Sensibilidade que se propaga!
Abraço.

5 de junho de 2016 às 00:38  
Blogger Maria Rodrigues disse...

O encanto do amor, num poema encantador.
Um grande abraço.
Maria

5 de junho de 2016 às 15:33  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

um soneto de encanto e amor.
bom domingo
boa semana.
beijinho
:)

PS: A fot excelente e em sintonia

5 de junho de 2016 às 19:09  
Anonymous Anónimo disse...

Lindoooooooooo!!!
Um encanto de poesia
xxx

5 de junho de 2016 às 23:09  
Blogger Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, " O encanto esconde-se num manto" até que explode e jamais se consegue parar o encanto com encanto.
Boa semana,
AG

7 de junho de 2016 às 16:19  
Blogger Carmem Grinheiro disse...

Olá, amigo Sol.
Encanta-me imaginar o encanto com que escreveste este "encanto" feito de poesia. A pessoa amada tem o condão de provocar esse arrebatamento no outro - é lindo e faz com que acreditemos que a "luz" existe.

um abç amg

7 de junho de 2016 às 18:13  
Blogger CÉU disse...

E é neste encanto k ficamos encantados e com muita luz.
Beijo e boa semana.

7 de junho de 2016 às 19:26  
Blogger Brisa Petala disse...

Olá amigo
QUE GRANDEZA DE TEXTO LINDO PARABÉNS. UMA TARDE DE TEÇA FEIRA FELIZ.

7 de junho de 2016 às 20:41  
Blogger Dorli Ramos disse...

Oi Sol,
Obrigada pelo carinho
Beijo
Minicontista2

8 de junho de 2016 às 01:12  
Blogger lua singular disse...

Oi Sol,
Uma poesia de amor linda.
Beijos no coração
Lua Singular

8 de junho de 2016 às 01:57  
Anonymous Helena disse...

Sempre que vejo a palavra encanto me vem logo à lembrança o seu contraponto, o desencanto. Acontece, meu amigo, que ao ler o teu lírico e delicioso soneto, e ao ver ali versos a falar de um encanto amoroso, não me chegou o seu antônimo. A que atribuo esta diferenciação? Simplesmente ao poder do Poeta! A ele há que se prestar deferência, sem imiscuir nenhum outro sentido contrário aos versos da sua poesia. Fizesse eu qualquer oposição, meu querido, e estaria maculando a delicadeza, a sensibilidade, com que tu, alma grandiosa de Poeta, soube tão bem tematizar sobre o encanto.
A imagem, que tanto pode ser de um pôr do sol ou de um amanhecer, traz um deleite a mais à nossa alma.
Sorrisos, estrelas, meu carinho, num desejo de lindos dias a coroar as horas da tua semana.
Helena

8 de junho de 2016 às 12:51  
Blogger Rosemildo Sales Furtado disse...

Realmente, o brilho da estrela ofusca o desencanto e acende o encanto da vida. Belo e profundo soneto o teu soneto, meu amigo.

Abraços,

Furtado.

8 de junho de 2016 às 15:40  
Blogger Jaime Portela disse...

Há encantos que nos encantam mesmo.
Tal como este brilhante soneto, do qual gostei imenso.
Excelente, meu amigo.
Sol, tem um bom fim de semana.
Abraço.

10 de junho de 2016 às 11:36  
Blogger Odete Ferreira disse...

Gostei particularmente deste soneto pelo jogo de palavras e musicalidade que daí resulta.
PARABÉNS!
Bjo :)

12 de junho de 2016 às 00:56  
Blogger Gracita disse...

Um soneto lindo!
A sonoridade dos versos é melodia que encanta
Um deleite supremo ler os teus belos versos meu amigo
Beijinhos no coração

13 de junho de 2016 às 13:12  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial