SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 24 de novembro de 2012

Por um beijo








Dia de Novembro, dia triste...
Dia de coragem, decisivo...
Dia de angústia, de perigo
Na realidade que persiste.

Sei que acontece tanto Amor,
Sempre conhecido de mais um...
Sofro eu, por ti, como nenhum,
Por ser mesmo esse o meu Senhor.

Tenho, na garganta, um nó dobrado,
Nó que me aperta o coração
De saber teu peito retalhado.

Porque irá pesar a minha acção,
De que apenas eu sou o culpado
Por um beijo: eterna gratidão...

 




SOL da Esteva

Etiquetas: , , ,

35 Comentários:

Blogger Fred Caju disse...

Estava começando a pouco a escrever sobre os novembros. Coincidência boa.

24 de novembro de 2012 às 10:56  
Blogger Célia Rangel disse...

SOL! Tocante seu poema! Destaco:..."Tenho, na garganta, um nó dobrado"... Comove-me a saudade de "um beijo". Dias de Novembro!
Bj. Célia.

24 de novembro de 2012 às 11:53  
Blogger lis disse...

Apesar das estações desencontradas os encontros acontecem.
Meus novembros são radiosos, primaveris , sol quente ,tempestades ocasionais e a chegada do verão ,das praias dos corpos nus, da liberdade,
'Por um beijo'- o que não fazemos? as decisões ficam pra depois... rs
meu abraço ao Sol

24 de novembro de 2012 às 12:54  
Blogger Paulo Francisco de Araujo disse...

Gosto do mês. Gostei do comentário da Lis..rs.
Sol, senti um nó na garganta por esse beijo guardado. Muito lindo este soneto. Muito lindo mesmo.
Um grande abraço meu amigo.

24 de novembro de 2012 às 13:42  
Blogger António Manuel - Tómanel disse...

Que direi eu!
Sonhador, adoro dar e receber beijos, são sinais de alegria que estão dentro de nós e esta é uma das formas de a mandar cá para fora.
Eu acho que a estação, o tempo, a hora, seja dia, seja noite, não interessa... o que interessa é não ficar com esse tal nó apertado na garganta.
Um abraço cá do Algarve

24 de novembro de 2012 às 18:01  
Blogger Jossara Bes disse...

Olá, Sol!

Amor, amar!
Laços,vinculos, ligações, "nós",
que por vezes apertam a garganta, o peito!
Aperta tanto, que o "suspiro" nasce poesia!
Beijos!

24 de novembro de 2012 às 18:20  
Blogger Cristina disse...

Bellísimas letras e imagen adornan un noviembre lleno de recuerdos.
Un placer leerte, te dejo un fuerte abrazo!

24 de novembro de 2012 às 20:17  
Blogger Parole disse...

Por um beijo é bom correr algum perigo...
Gostei do poema, Sol.

Beijos e bom domingo.

25 de novembro de 2012 às 10:51  
Blogger Canto da Boca disse...

Fico tentando entrar no poema, mas apesar das possibilidades, sinto-o hermético, e tão na primeira pessoa... Mas o soneto está uma pintura, Sol da Esteva!

Abraço!

;)

25 de novembro de 2012 às 11:55  
Blogger PRECIOSA disse...

Sempre lindo poema
Escritos pela alma
Ditado pelo seu coraçao
Sempre bom passar por esse encanto de espaço
Abraços carinhoso
Preciosa Maria

25 de novembro de 2012 às 18:44  
Blogger PRECIOSA disse...

Sempre lindo poema
Escritos pela alma
Ditado pelo seu coraçao
Sempre bom passar por esse encanto de espaço
Abraços carinhoso
Preciosa Maria

25 de novembro de 2012 às 18:44  
Blogger Elio disse...

Ciao Sol, con queste tue poesie ci fai veramente sognare, cosa del resto già precisata nel titolo del tuo blog. Bravo e buonanotte.

25 de novembro de 2012 às 20:45  
Blogger luna luna disse...

lindo o teu poema , mas ao mesmo tempo triste, dorido.
beijos

25 de novembro de 2012 às 21:19  
Blogger Dorli disse...

Olá Sol
Que nó na garganta é esse que aperta tanto seu coração?
Não gosto do mês de novembro, tenho saudades.
Lindo, mas entristecedor poema.
Beijos
Lua Singular

26 de novembro de 2012 às 01:13  
Blogger Carolina disse...

Oh, tocante, conmovedor poema, que daria por um beijo...

26 de novembro de 2012 às 02:13  
Blogger Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Sempre tão bom vir aqui e me encantar... com tanta vida, tanto amor!
Um beijo, SOL
da Lúcia

26 de novembro de 2012 às 14:46  
Blogger Dolce Vita disse...

Belo poema!

26 de novembro de 2012 às 18:12  
Blogger Túlia Catalão disse...

Um lindo soneto numa tão pequenaa culpa!
Lindo Sol!
Gostei!
Beijis

26 de novembro de 2012 às 20:22  
Blogger ELAINE disse...

O mar, amor, amar...
Sonhar, sentir, viver...
Teu poema é lindo e inspirador...
Um início de semana de paz e alegria!
Que o amor renovador e a Paz de Jesus Cristo habitem nossos corações sempre! Abraço carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

26 de novembro de 2012 às 21:39  
Blogger Sandra Subtil disse...

O meu novembro tem sol: nasceu o meu Rodrigo!
Lindo o teu soneto! Beijinhos

26 de novembro de 2012 às 23:33  
Blogger Mariangela disse...

Sol amigo querido, que lindo!
Certas lembranças nos não esquecemos, ficam vivas na memória!
Mas sem tristezas...!
Beijos,
Mariangela

27 de novembro de 2012 às 11:09  
Blogger Manuel disse...

Somos sempre levados na balada triste dos teus sonetos.
A poesia é o escape dos sentimentos, é a forma de dizer o que vai dentro de nós.
Belo soneto.

27 de novembro de 2012 às 14:54  
Blogger manuela barroso disse...

Querido amigo,
Sempre o mesmo "engenho e arte" em maravilhosos sonetos.
Grande inspiração! Os novembros assim são menos tristes!
Abraço, Sol!

27 de novembro de 2012 às 21:15  
Blogger Nilson Barcelli disse...

Mais um execelente soneto.
As tuas palavras encantam-me sempre.
Um abraço.

27 de novembro de 2012 às 21:39  
Blogger Evanir disse...

Boa Noite Amigo Querido.
Estou um pouco afastada mais nunca
esqueço de você meu grande amigo.
talvez eu entenda porque da tristeza de Novembro ,
pois esse mês também marcou minha vida pra sempre.
Na verdade exatamente Dia 13 de Novembro foi como uma bomba na minha cabeça para carregar a dor até o fim da vida.
Querido.
Entra nesse endereço.
www.aviagem2.blogspot.com
Da uma olhada na imagem do meu blog de recordações.
Sol.recebeu um email que enviei a você ?
Beijos meu amigo querido pra sempre sua amiga,Evanir.

27 de novembro de 2012 às 23:53  
Blogger Mary disse...

Querido é tdo tão lindo o que vc, escreve fiquei sem palavras pra traduzir tdo que li e senti no seus poemas te agradeço por sua visita, és um poeta da alma assim como rio que corre com sua água límpida... não esqueça de mim estarei sempre...Bjos!

28 de novembro de 2012 às 18:57  
Blogger Smareis disse...

Olá Sol,
Sempre me encanta seus versos.
Belo como sempre!


Beijos e ótima semana!

28 de novembro de 2012 às 21:26  
Blogger AFRICA EM POESIA disse...

Sol
Por um beijo
Uma AMIZADE...

Amizade

A amizade é uma coisa
Que chega e muitas vezes vai.

É difícil ficar... é difícil estar
Mas... olhamos e sabemos...

Sabemos que o amigo
És mesmo tu...

Que esperas por mim
E me levas contigo...

Não me deixas chorar
Pois choras por mim...

Estás sempre alerta
A qualquer hora me acodes...

E em todo o momento
Mesmo que não estejas...

Eu sei que estás...
Porque te sinto... AQUI!...

LILI LARANJO

28 de novembro de 2012 às 23:23  
Blogger Everson Russo disse...

Num dia triste meu amigo,,,angustias,,,sentimentos vagos,,,distantes,,,tudo que precisamos é de um carinho e um beijo na alma...abraços e uma bela noite pra ti...

29 de novembro de 2012 às 00:31  
Blogger Magia da Inês disse...

♡.¸¸.•°
Olá, amigo!

Muita poesia, brindemos enquanto estamos vivos.

Um ótimo fim de semana!
Beijinhos.
Brasil

♡♡♡.¸¸.•*`*

29 de novembro de 2012 às 22:53  
Blogger Julio Vilar pereira Pinto disse...

Belo poemaé mais um dum romantico, um abraço sol gosto de Novembro é o meu mês e pelos vistos a ti tambem diz muito.
Um Xicoração.

29 de novembro de 2012 às 23:33  
Blogger ELAINE disse...

Passando pra ver como você está e agradecer o carinho.
Um abençoado e feliz fim de semana!
Abraço fraterno e carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

30 de novembro de 2012 às 02:38  
Blogger Zilani Célia disse...

OI SOL!
QUEM PODE SER CULPADO POR UM BEIJO?
A NÃO SER QUE SEJA DE ADEUS...
LINDO DE SE LER.
ABRÇS

zilanicelia.blogspot.com.br/
Click AQUI

30 de novembro de 2012 às 17:47  
Blogger Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

por vezes esperamos uma vida por um beijo que tanto queremos.
Como sempre lindo e profundo o teu sentir.


Um beijinho com carinho
Sonhadora

30 de novembro de 2012 às 23:30  
Blogger PRECIOSA disse...

Amigo, disse tudo com real sinceridade
Não faltou nenhuma palavra
Lindo demais, aplausos a ti e a tua alma
Poeta nato.....
Abraços carinhoso
Preciosa Maria

30 de novembro de 2012 às 23:45  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial