SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 7 de abril de 2012

Vazio





Busquei-te, na Cidade imensa,
Seguindo a voz do meu desejo.
Achei-te e isso recompensa
Sonhar, poder legar-te um beijo.

Envolta, num luzeiro aceso,
No pó das ruas do jardim
Que a mole humana arrosta em peso.
Soube-te ali, presa de mim.

A voz rouca do coração,
Clamou p'las grades de metal
Gritando a tua razão.

O eco, esse, voltou frio,
Vindo da casa de Cristal.
Meu peito? Esse, está vazio!




SOL da Esteva

Etiquetas: , , ,

67 Comentários:

Blogger Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Que para os peitos vazios e para outros que tais, seja esta Páscoa o tempo certo para o renascimento!
Lindo poema, a foto... é um apanhado fotográfico excelente!
Uma Santa e feliz Páscoa!

Rui Pires

7 de abril de 2012 às 10:26  
Blogger vera luiza vaz disse...

Ah! O poema cala no fundo do coração! Vê-se este a procurar na multidão em festa por um outro coração perdido... Inspiração e expressão belíssimas! Foto surpreendentemente sugestiva...
Feliz renascimento Pascal, amigo Sol!
Abraço!

7 de abril de 2012 às 11:11  
Blogger Maria Luiza disse...

Meu amigo, embora seu poema fala tristemente do vazio, desejo que nesta Páscoa ele se encha de todos os bens e bênçãos possíveis! Grande e forte abraço! Suas mensagens iluminam meu dia, sempre!

7 de abril de 2012 às 12:11  
Blogger Amapola disse...

Bom dia, querido amigo.

Lindo, como sempre.
Essa música marcou minha adolescência.

Que a sua Páscoa também, não lhe seja em vão. Felicidades!!
Muito obrigada.
Beijos.

7 de abril de 2012 às 13:13  
Blogger David C. disse...

wow muy buen poema.

7 de abril de 2012 às 13:30  
Blogger Célia Rangel disse...

SOL! Refleti muito com seu poema. Profundo. Acredito que "Vazios" existem para abrirmos espaço para fertilidade e, assim contemplarmos o "Vazio Fértil" em cada um de nós!
Bj. Célia.

7 de abril de 2012 às 14:05  
Anonymous carla disse...

Amigo sol! Acho que já aconteceu a todos sentir-mos esse vazio que descreves em teu belo poema


Passo para te desejar um bom fim de semana e uma Santa ´Páscoa!

_♥♥_♥♥
_♥♥___♥♥
_♥♥___♥♥_________♥♥♥♥
_♥♥___♥♥_______♥♥___♥♥♥♥
_♥♥__♥♥_______♥___♥♥___♥♥
__♥♥__♥______♥__♥♥__♥♥♥__♥♥
___♥♥__♥____♥__♥♥_____♥♥__♥_____
____♥♥_♥♥__♥♥_♥♥________♥♥
____♥♥___♥♥__♥♥
___♥___________♥
__♥_____________♥
_♥____♥_____♥____♥
_♥____/___@_____♥
_♥______/♥__/___♥
___♥_____W_____♥
_____♥♥_____♥♥
_______♥♥♥♥♥



beijo,Carla Granja

http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt

7 de abril de 2012 às 15:14  
Anonymous Anónimo disse...

Tenho um filho, que diz que não gosta de poesia, porque os poetas são todos uns infelizes...porem, eu sei que ele se revê em muito que os poetas dizem, e isso dói-lhe... O meu outro filho, adora poesia e partilha com a mãe, os poetas que o comovem e o encantam!
A mãe, gosta de todos, porque os entende e partilhar com eles todos os sentimentos.
Ser poeta, é viver mil vidas numa só, é partilhar com a humanidade inteira, as grandes e pequenas coisas com que fazemos a vida acontecer.
Partilho igualmente consigo, todas as suas emoções, meu amigo Sol!

Todos os sábados, a sua música e as suas palavras entram em minha casa e fazem-me companhia. Obrigada!

Um abraço sincero da amiga

F.M.

7 de abril de 2012 às 15:58  
Blogger *Verinha* disse...

Sempre tão delicioso ler seus poemas SOL!
Um beijo grande em seu coração e uma abençoada Páscoa para você!

Verinha

7 de abril de 2012 às 16:04  
Anonymous Irene Alves disse...

Amigo, somo está? Sua poesia sempre mtº. boa. Já lhe pedi um poema
para inserir no meu http://sinfoniaesol.wordpress.com ?
Eu gosto muito de poesia,mas não sou poetisa, portanto insiro
poemas de verdadeiros poetas, aqueles que me cedem. Faço-o
sempre com os devidos créditos. Se o amigo o permitir, basta deixar
um comentário, terei muito gosto.
Um grande beijinho e Feliz Páscoa.

7 de abril de 2012 às 17:07  
Blogger Sergio Martins disse...

Belo texto! Obrigado pelo carinho; tenha uma doce Páscoa!!!

7 de abril de 2012 às 17:08  
Blogger BRISA disse...

MEU QUERIDO AMIGO
PASSANDO PARA TE DESEJAR UMA FELIZ PÁSCOA.
COM CARINHO
BRISA

7 de abril de 2012 às 18:20  
Blogger manuela barroso disse...

Sempre a mesma facilidade encantadora com que os sonetos brotam de ti.
Sol, o poeta dos sonetos e do amor
Lindo, querido amigo.
Boa Pascoa
Grande abraço

7 de abril de 2012 às 18:46  
Blogger mfc disse...

Um poema de um amor que se desencontrou... e que só se poderá reencontrar!
Grande abraço.

7 de abril de 2012 às 18:54  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

um soneto muito bom embora nostálgico.
o coração nunca estará vazio, amanha é um novo amanhecer.

uma boa Páscoa

um beij

7 de abril de 2012 às 19:57  
Blogger Jossara Bes disse...

Sol, Querido!

Nos silêncios dos vazios de nossos sentimentos,
realmente, todos os sons ecoam! Frios, gelados!
Um encanto!
A poesia e a foto!
Tenha um lindo domingo de Páscoa!
Beijos!

7 de abril de 2012 às 20:12  
Blogger Tiago Braga disse...

que bonito texto, excelente forma de expressar e traduzir um sentimento! abraço

7 de abril de 2012 às 20:12  
Blogger Simone MartinS2 disse...

Boa tarde!
Estamos sempre procurando
algo ou alguem, para tentarmos
descobrir quem somos ou o que somos
para um alguem. Mas o Amor de DEUS
esta além das grades de metal,
além da casa de Cristal...Ele esta
dentro de teu coração, basta tentar
encontrá-lo dentro de si, no momento
exato de sua aceitação!
FELIZ PASCOA!
Bjinhos sabor de chocolate!

7 de abril de 2012 às 21:08  
Blogger Pr. Bessa disse...

Meus parabéns! Gostei muito do seu blog. Que o Senhor Jesus Cristo te abençoe, abundantemente.

Visite o meu blog e me adicione ao seu. Se você gostar compartilhe com seus amigos.

Vamos fazer uma parceria?

Acesse: http://iijesuseocaminho.blogspot.com

Aguardo sua confirmação.

Abraços.

7 de abril de 2012 às 22:15  
Blogger AFRICA EM POESIA disse...

amigo Um beijo e saudades de passar aqui...


Pascoa

Um café...
Um momento de inspiração...

Um beijo...
Uma saudade...

Uma Páscoa...
Um momento...

Umas amêndoas...
Um coelhinho...

Um morrer...
Um Ressuscitar...

Jesus morreu...
Porque nos quis mostrar...

O valor do Amor...


LILI LARANJO

7 de abril de 2012 às 22:43  
Blogger António Manuel Conceição Santos disse...

Lindo, lindo, lindo este teu soneto.
Mas teremos que viver com alegria, tanto mais que estamos em plena Primavera e as fores estão a medrar com toda a intensidade, assim deveria ser também com o que se passa dentro dos nossos corações.
Um abraço cá do Algarve.

7 de abril de 2012 às 22:57  
Blogger Sonhadora disse...

Meu querido amigo

Hoje passando para desejar uma Páscoa Feliz e cheia de amor e paz, junto de todos que lhe são queridos.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

8 de abril de 2012 às 00:28  
Blogger Y Otros Paisajes.. disse...

hola que tal!
despues de unos meses he vuelto
con una nueva entrada..
un fuerte abrazo..!

8 de abril de 2012 às 07:56  
Blogger Magia da Inês disse...

°º♫♫
Páscoa é renascer.
Feliz recomeçar!
Feliz Páscoa!

。°º..(
。°º.(,)
。°º|::::|.☆¸.¤ª“˜¨
。°º|::::|)/¸.¤ª“˜¨˜“¨
。°º|::¸.¤ª“˜¨¨˜“¨
。˛º°%¤ª“˜¨¨
°°º❊#ª“˜¨

8 de abril de 2012 às 12:00  
Blogger Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, amigo. Não somente no poema o coração está vazio. O meu também vive o vazio deste poema, as contradições do amor, o que na realidade é péssimo!
Um lindo soneto.
Tenha uma Páscoa abençoada junto à sua família!
Tudo de bom!

8 de abril de 2012 às 19:58  
Blogger Luar disse...

Sol

Hoje me identifiquei tanto com estas palavras que arrepiei.
Que a Páscoa tenha sido abençoada. Beijinho

8 de abril de 2012 às 22:27  
Blogger Luana Barcelos Dantas disse...

Lindo, Feliz Páscoa também querido!!!

8 de abril de 2012 às 23:47  
Blogger Fernanda disse...

Um soneto maravilhoso embora o tema seja a solidão, aquela que tantas vezes nos condena a viver numa eterna nostalgia.

Parabéns pelo seu talento, amigo Sol.
Beijo

9 de abril de 2012 às 00:48  
Blogger Su disse...

querido amigo poeta Sol...

saudades de ti, ainda com os olhos nos meus livros aqui, escrevendo meu artigo para a conclusão da minha pós graduação, mas hoje vim te ver e matar as saudades um pouquinho...

saiba que essa poesia é tão comovente e marcante, uma busca que caminha ao lado dessa dor, desse peito que se sente vazio, mas amigo poeta... a mistura da poesia, da música que embala minha escrita e a minha leitura de suas palavras tecidas na mais pura poesia, e as imagens desse coração que aparece vazio em meio as folhas, a natureza, contudo com um céu imenso de pano de fundo, um céu azul lindo e sem limites... isso tudo preenche qualquer peito vazio, pois o amor está em cada canto dessa sua casa aqui...

beijinhos!

Su.

9 de abril de 2012 às 00:49  
Blogger Silvia Ordonhes disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

9 de abril de 2012 às 01:15  
Blogger Silvia Ordonhes disse...

Páscoa Momento de Reflexão!!!
Deixo meu carinho e Forte Abraço
Querido e sensivel Poeta!!!
Feliz Páscoa junto aos seus...
Paz e luz para humanidade.
Beijos no core!!!
Obrigada pelo carinho é muito gratificante.
Peço desculpas pela ausência em seu espaço,
muito atarefada com os artesanatos amigo Sol!
Paz e luz para humanidade...
Seja bem vindo sempre que puder!!!
Cantinho Forno e Fogão
ARTESANATOS EM TRICO

9 de abril de 2012 às 01:17  
Blogger ana costa disse...

Adorei amigo, apesar de se sentir a tristeza e a dor dentro de cada palavra...
Beijo amigo

9 de abril de 2012 às 09:15  
Blogger Sandra Subtil disse...

Quem escreve assim não pode ter o peito vazio. Está cheio de sentimento e emoção.
Beijo, meu amigo

9 de abril de 2012 às 16:56  
Blogger MARILENE disse...

Só percebemos o vazio quando já tivemos o coração repleto de emoções. E estas nos chamam, ainda que na ausência de quem se quer e se procura. Você versa com sabedoria os sentimentos. E suas composições são encantadas.

Bjs.

9 de abril de 2012 às 17:25  
Blogger ... "re" ... disse...

Um vazio que invade a alma, mas que nunca poderá destruir uma alma linda como a tua...

Triste e sentido poema, mas que se tornaste belo na forma que tu deste vida ao mesmo. Amei demais!!!

Baci blu nel cuore...

9 de abril de 2012 às 18:00  
Blogger POESIAS by Edison Cardoso disse...

Atrás de um poema nossa alma se enche de procuras e de formas que invade o coração do poeta. E aqui estou para parabenizar seu blog que é fantástico.
Obrigado pela visita em meu blog e deixar seu comentário.

Um grande abraço
Edison

9 de abril de 2012 às 18:22  
Blogger Mariangela disse...

Querido amigo Sol.
Que as alegrias e o amor invada seu coração, ofuscando qualquer pontinha de tristeza!
Absolutamente lindo!
Beijo
Mariangela

9 de abril de 2012 às 19:32  
Blogger Manuel disse...

Tenho receio de me repetir mas a isso me obrigas, pois as teus sonetos, cheios de inspiração, são pequenas obras de arte.

9 de abril de 2012 às 21:30  
Blogger Smareis disse...

Oi Sol,

Um poema digno dos mestres! tem inspiração, profundidade, emoção...
A imagem é maravilhosa.

Desejo que sua páscoa tenha sido excelente.
Uma ótima semana!
Um grande abraço!

9 de abril de 2012 às 21:47  
Blogger Elio disse...

Sol, è sempre un piacere leggere le tue poesie ed inoltre quando ho aperto il tuo blog sono stato accolto da una canzone di Adamo in italiano. Effettivamente questo cantante era molto seguito in Italia perché bilingue (italiano e francese) essendo figlio di italiani in Belgio. Nelle scelte anche per le musiche successive. Il titolo italiano di "Shade of pale" era "Si è spenta ormai la luce".
Un caro saluto.

9 de abril de 2012 às 21:58  
Blogger *Simone Poesias* disse...

Bela poesia que toca o coração!
Bjos e uma semana abençoada XD

9 de abril de 2012 às 22:11  
Blogger Antônio Lídio Gomes disse...

Amigo Poeta Sol, aqui neste coração ecoou e nele ficou.
Pois é um lindo poema que vem carregado de sentimentos.
Tem razão a mãe que comentou dizendo que seu filho entende os poetas.
Entendo teus sentimentos, que são sinceros e lindos.
Quero agradecer sua sempre e amável visita e comentários.
Um abraço.

10 de abril de 2012 às 00:25  
Blogger ELAINE disse...

Amigo! Que poema lindo! Triste e que chega ao coração! Uma semana feliz e cheia de oportunidades! Abraço carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

10 de abril de 2012 às 01:39  
Blogger Centelha Luminosa disse...

Apesar do teu poema falar do vazio, eu te digo, poeta, que ao produzi-lo, preencheste os espaços e vazios da melhor poesia!

Tenha uma linda semana de claridades íntimas!

Bjos da Lu...

10 de abril de 2012 às 04:00  
Blogger Everson Russo disse...

Esse enorme vazio que nos consome,,,nos leva a momentos de dor e tristeza,,,abraços de bom dia pra ti amigo.

10 de abril de 2012 às 12:24  
Anonymous Preciosa Maria disse...

Querido amigo!
Que poema belo, feito ao som do da alma, mesmo no silêncio..
O vazio parace estar preenchido de amor, com suas palavras ditadas em versos,,,
Saudades de aqui estar....
Mas continuas um poeta nato, sempre digno de aplausos!!!!
Que seu dia seja regado de muito amor
Abraços amigo
Preciosa Maria

10 de abril de 2012 às 14:13  
Blogger São disse...

Vazio, Sol? Hummm, tenho as minhas dúvidas!

Uma semana feliz desejo

10 de abril de 2012 às 16:09  
Blogger Evanir disse...

A amizade é eternizada por nós mesmos,
portanto para ser eterna só depende do querer que há dentro de cada um,
pois não importa a distância,
já que é impossível viver independente desses obstáculos que o destino coloca na vida de todos,
assim nos separando. Uma boa amizade deve ser guardada no peito,
lembrada com muito carinho, pois amigos são pessoas raras,
pessoas que muitas das vezes contribuem para a nossa felicidade,
para o nosso crescimento, para a nossa vida, até mesmo sem percebermos.
E o que vale a pena é saber que são amigos muito importantes,
mesmo estando ou não perto de nós com freqüência.
E sua amizade é uma das coisas mais importante na minha vida.
Ser sua amiga é uma benção Divina.
um previlegio que Deus me deu
que me ajuda a ser feliz e ver o Mundo mais bonito.
Beijos meu eterno carinho,Evanir.
Eu abençoo com minhas duas mãos nossa amizade
e que Deus transforne num hino de Amor.

10 de abril de 2012 às 19:21  
Blogger Anita de Castro disse...

Semeias poesia
De norte a sul
Por entre mares e transformas palavras em sorrisos
bjs Da tua e sempre amizade Anita

10 de abril de 2012 às 20:03  
Blogger OceanoAzul.Sonhos disse...

Doi, quando o vazio se instala.

Um poema como os seus demais, muito bonito.
abraço, boa semana
cvb

10 de abril de 2012 às 20:46  
Blogger Paixões e Encantos disse...

Passando para desejar

Uma boa semana ,beijo

Carla Granja


http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt/

10 de abril de 2012 às 21:10  
Blogger luadecristal disse...

Por vezes é no vazio que se escuta o som do coração
bjs

10 de abril de 2012 às 21:33  
Blogger AFRICA EM POESIA disse...

Voltei para um beijinho e boa semana

10 de abril de 2012 às 21:50  
Blogger Zilani Célia disse...

OI SOL!
QUE VERSOS LINDOS, CARREGADOS DE EMOÇÃO.
ABRÇS

Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

11 de abril de 2012 às 00:10  
Blogger Lilá(s) disse...

Mais um belo poema,, feito ao som da alma, bem ao teu estilo!
Bjs

11 de abril de 2012 às 00:15  
Blogger »♥«Nati Caetano»♥» disse...

Olá querido amigo Sol!
Buscar-te na cidade inteira,o amor, sonhar com o beijo.Belo e triste.
Um Feliz dia para você.

11 de abril de 2012 às 15:21  
Blogger Tiago Braga disse...

é uma grande verdade, sempre com grandes sentimentos e dicas, inspirador!

Abraço

11 de abril de 2012 às 23:33  
Blogger edumanes disse...

Olhando aquela árvore
Em forma de coração
O verde também arde
No intenso calor do Verão.

Embora antes não tivesse pensado
Surgiu na própria ocasião
No presente recordando o passado
Para fazer as vontades ao coração!

Obrigado pela sua visita,
desejo uma boa tarde para você.
Um abraço
Eduardo.

12 de abril de 2012 às 19:13  
Blogger Leninha disse...

Meu amigo Sol,

Que teu coração não fique vazio por muito tempo.que tua vida esteja plena de ternuras e carinho,que a lua cheia te encontre feliz,sem esta melancolia que tens expressado em teus poemas.
Bjssssss,
Leninha

12 de abril de 2012 às 20:41  
Blogger ... "re" ... disse...

SOL... Amigo querido...

Dói mais no coração uma lágrima presa do que solta-la ao chão...

Este vazio que está a demorar em ti, logo logo vais deixar-te.. Fica bem...

Baci blu...

12 de abril de 2012 às 23:01  
Blogger LUCONI disse...

Boa noite, como vai poeta? Olha chegando aqui deparei com este magnífico poema, que tudo diz, declama uma amor imenso e ao mesmo tempo chora a sua desilusão, tudo isto pintado com os pincéis de tua alma formando o mais lindo quadro, amei, beijos Luconi

13 de abril de 2012 às 04:53  
Blogger manuel fernando disse...

Gracias mi buen amigo por acariciarme el corazón con la sublime belleza en cada verso de tú hermosa poesía, y por concederme el privilegio de ser testigo de ello. Que tengas un feliz fin de semana lleno de sensaciones positivas. Un abrazo desde la distancia de un amigo.

13 de abril de 2012 às 13:10  
OpenID nacasadorau disse...

Amigo poeta Sol,

Deixo-te um beijo e desejos de bom fim de semana.

14 de abril de 2012 às 00:02  
Blogger ★MaRiBeL★ disse...

❀◕‿◕❀...Besos Eternos.
Gracias por hacer que mi mente soñadora tenga sentido.
★MaRiBeL★

14 de abril de 2012 às 03:37  
Blogger ELAINE disse...

Mesmo que muitas lágrimas rolem, como gotas transparentes de solidão, ainda assim vale a pena ter vivido um grande amor... Lindo! Grande e carinhoso abraço, meu querido amigo-poeta, um elogio vindo de você me deixa muito feliz....
Excelente sábado!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

14 de abril de 2012 às 05:52  
Blogger Paula disse...

Lindo... ... ... e a foto tambem!

3 de maio de 2012 às 17:41  
Blogger Dorli disse...

Olá Sol:
Linda poesia: Vazio
Às vezes esses vazios nos impregnam, mais uma lágrima caída, um amor mal resolvido, uma saudade.
Mas encheu de emoções essa bela poesia
Abraços
Dorli

13 de maio de 2012 às 15:24  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial