SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 23 de outubro de 2021

...Na areia do Mar

                                                  © SOL da Esteva - Acordar Sonhando


Quem pode estar na areia sem sonhar
Uma parcela de tempo perdida,
Perante a imensidão do Mar?
Num olhar, acreditamos na Vida.

Feitos, doados por Descobridores,
Misturam-se com os tempos de agora
Onde guardamos os nossos Amores
Ou seguramos a Alma que chora.

Quis o Destino, que nos confiou
Num murmúrio, (como o Mar nos sussurra)
Que a Vida e a Paz que nunca sobrou

É feita de gente e de sentimento.
...Na areia do Mar, o sonho empurra
Tudo aquilo que é certo e a contento.


SOL da Esteva

 

Etiquetas: , ,

18 Comentários:

Blogger La Gata Coqueta disse...

En días de niebla emocional que bien sienta
el sol de una sonrisa, la linterna encendida
de un razonamiento o la bengala chispeante
De una palabra amable…

Precioso razonamiento poético amigo! Quien puede estar al lado del mar sin dejarse llevar por los sueños perdidos en las cumbres del tiempo...

Un fuerte abrazo y un feliz fin de semana!

Mari

23 de outubro de 2021 às 11:03  
Blogger chica disse...

Tão lindo e na areia do mar nos deixamos contagiar pela beleza do lugar e ficamos mais leves !
Adoro!
abraços, lindo fim de semana! chica

23 de outubro de 2021 às 11:05  
Blogger " R y k @ r d o " disse...

Soneto brilhante que me fascinou ler
.
Cumprimentos poéticos … bom fim de semana.
.
Pensamentos e Devaneios Poéticos
.

23 de outubro de 2021 às 15:21  
Blogger Maria Rodrigues disse...

Passeando na areia e observando a grandiosidade do mar, é impossível não sonhar.
Maravilhoso soneto.
Bom fim de semana
Beijinhos

23 de outubro de 2021 às 16:37  
Blogger lua singular disse...

Oi Sol,
A vida pra mim deixou de ser um sonho para ser uma aversão coma falta de respeito que muitas pessoas têm com os mais velhos,esquecem tais pessoas que elas também envelhecerão e serão chacotas dos mais novos.
Aí eu digo: vivemos por viver, apenas para completar o nosso ciclo na Terra.
Quiçá, encontremos um outro melhor para viver...
Beijos
Bom Domingo
Beijos
Lua Singular

23 de outubro de 2021 às 17:57  
Blogger Cidália Ferreira disse...

O mar é a inspiração dos Poetas. Amei o seu poema!
-
Tento esquecer de quem não me merece
-
Beijos e um excelente fim de semana!

23 de outubro de 2021 às 18:45  
Blogger Roselia Bezerra disse...

Boa noite de sábado, amigo Sol da Esteva!
Quem pode estar na areia sem sonhar?...
Impossívvel, digo eu...
Ser gente sonhadora feita de sentimento é o melhor e mais puro que há.
Tenha um abençoado Domingo de paz!
Abraços fraternos

23 de outubro de 2021 às 19:43  
Blogger Azka Kamil disse...

Like your post

24 de outubro de 2021 às 01:59  
Blogger Mum disse...

O Mar sempre foi uma grande inspiração para os Poetas!!! Belo Poema XXX

24 de outubro de 2021 às 10:24  
Blogger Beatriz Pin disse...

Fermoso poema que o mar inspira.
O mar que foi sempre um meio para trazer e levar.Tres partes de auga e unha de terra. Qué seriamos sem o mar?
Belo soneto, como voçe acostuma escrever.
Que tenha uma feliz semana.

24 de outubro de 2021 às 19:35  
Blogger Olinda Melo disse...

Diz bem, Sol da Esteva. Dantes era o desconhecimento
completo.Depois com os Descobridores fez-se luz.
Mesmo assim há ainda muito espaço para a nossa imaginação.

Estendidos na areia poderemos sonhar e idealizar
o que haverá para lá da linha do horizonte.

Gostei muito da sensibilidade e talento que empresta
a este soneto, meu amigo.

Desejo-lhe boa semana.
Abraço
Olinda

25 de outubro de 2021 às 17:54  
Blogger Teresa Isabel Silva disse...

Um belo poema!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram | Youtube

25 de outubro de 2021 às 19:20  
Blogger Jossara Bes disse...

Oi Sol,
Mar de encantos! Sonhos, suspiros e poesias!
Admiro muito sua poesia, querido Poeta!
Abraços!

25 de outubro de 2021 às 23:14  
Blogger São disse...

Um poema que me agradou...

Beijinho de boa semana :)

25 de outubro de 2021 às 23:57  
Blogger Arthur Claro disse...

Linda poesia, meus parabéns.

Arthur Claro
http://www.arthur-claro.blogspot.com

26 de outubro de 2021 às 01:40  
Blogger Juvenal Nunes disse...

O mar foi sempre um catalisador de sonhos e aventuras e o seu soneto isso expressa de forma concludente.
Abraço amigo.
Juvenal Nunes

26 de outubro de 2021 às 06:26  
Blogger Paula disse...

WOW!!!

26 de outubro de 2021 às 12:51  
Blogger Maria Lucia (Centelha) disse...

Que maravilha de soneto. "Na areia do Mar, o sonho empurra tudo aquilo que é certo e a contento".- num grande e majestoso finale! Aplausos , Sol da Esteva.
Beijinhos

27 de outubro de 2021 às 00:06  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial