SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ABRAÇOS,------SOL da Esteva

sábado, 14 de maio de 2011

Gratidão



Obrigado, meu querido Amor,
Pela Vida, pelo teu calor.

Num momento de Paz e no Sonho,
Eu vivo o real, o bisonho…

E tu, Criatura adorável,
Me deste o inolvidável!

Por esta constatação
Tens, em ti, meu coração.



SOL

Etiquetas: ,

25 Comentários:

Blogger ANTÓNIO MANUEL SANTOS disse...

Sem dúvida, meu amigo...
Gratidão é uma das palavras mais bonitas que consta no nosso dicionário.
O que é preciso é saber aplicar esta singela palavra ao momento da acção.
Acho que com poucas palavras conseguiste na perfeição.
Aqui do Algarve vai um abraço.

14 de maio de 2011 às 13:10  
Anonymous laura disse...

Xiiiiiiiiiii, a menina do teu coração é cá uma sortuda que nem sei... É lindo ver o amor sempre florindo nos lares dos Amigos. Palavra que é tão raro ver casais que são felizes que mesmo vendo-os na rua de mão dada ou aos mimos, tenho as minhas dúvidas...
mas tu escreves com o coração, logo, sortuda da menina sim senhora! Gostei, beijinhos para ti e para ela também e mais um apertadinho abraço aos dois.

laura

14 de maio de 2011 às 16:49  
Blogger Multiolhares disse...

Como é bom amar e saber-se amado,e saber sentir gratidão por todo esse amor
bjs

14 de maio de 2011 às 18:07  
Blogger Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Machado de Carlos. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

15 de maio de 2011 às 00:23  
Blogger Evanir disse...

Querido Amigo..
È tão bom receber seu carinho no meu blog
sou muito grata por isso.
Um feliz Domingo amigo querido beijos com infinita ternura,Evanir..

http://resteadesol.blogspot.com/

15 de maio de 2011 às 04:46  
Blogger Leninha disse...

Amigo,cheguei até aqui pelo blog da Evanir...estou encantada com seu blog...gostaria de segui-lo mas não vejo onde.Queria também que viesse me visitar no "sonhos e encantos".Será uma honra para mim,pois sinto que me identifico com seu perfil.Também sou avó,só que de cinco netos...amo Portugal,terra de meus avós.
Bjjjjjs,Leninha.


Tbém me identifiquei com suas músicas...me trazem boas recordações.

16 de maio de 2011 às 13:23  
Blogger Leninha disse...

Obrigada,Sol, pelo comentário...mas senti uma amargura em suas palavras e quero lhe dizer que aqui estou e que se o que sobrou foi tanto,imagina se estivesse inteiro...sua poesia é de um lirismo comovente e seu blog,um primor de delicadezas...
Bjsssss,Leninha.

16 de maio de 2011 às 17:17  
Blogger José Sousa disse...

Olá amigo!
Aqui estou para o seguir, siga-me também em:

Transpondo Barreiras.

Adoro seus escritos, o que escreve entra-nos na alma, lindo mesmo! Mesmo todo o seu blog está lindo.

um abraço e bos semana.

16 de maio de 2011 às 21:50  
Blogger Laura disse...

E lá venho eu ler e reler a poesia e os coments...

saio feliz, levo no coração que ainda há amor neste mundo e ainda há quem seja grato por tanto amor.

Um abraço da laura

17 de maio de 2011 às 00:20  
Blogger Sonia Pallone disse...

Boa noite meu querido, vi seu recadinho lá no Solidão de Alma, não poderia deixar de vir registrar meu agradecimento e conhecer o seu espaço. Parabéns, aqui encontrei poesia da melhor qualidade. Fique com meu carinho. Abraços.

17 de maio de 2011 às 05:15  
Blogger Sonia Pallone disse...

Ah, esqueci de dizer: amei ouvir Daydream de fundo musical. Essa canção diz muito pra mim, fazia anos que não ouvia. Valeu. Bjs.

17 de maio de 2011 às 05:17  
Blogger Jasanf disse...

Adorei o eu-lírico apresentando rimas e construções dialéticas a respeito do amor.

17 de maio de 2011 às 11:16  
Blogger Dora Regina disse...

Teu blog é lindo, excelente conteúdo, seleção musical perfeita, visitei e gostei muito.
Um abraço fraterno...Paz e bem!
Boa semana!

17 de maio de 2011 às 12:43  
Blogger Sandra disse...

Cheguei aqui através do blog da Sónia Pallone e gostei do que li.
Este poema gratidão é muito paternal ( digo eu).
Para mim são palavras endereçadas ao amor de uma vida : filhos.
Poderei estar errada mas também é essa a beleza da poesia: proporcionar várias interpretações.
Abraço

17 de maio de 2011 às 13:23  
Blogger magda disse...

Welcome to my blog and many thanks for so kind comments!!
Your poem is very tender !!!
Thank you
Many greetings

17 de maio de 2011 às 15:17  
Blogger manuel fernando disse...

Hola mi buen amigo, pasé por aquí sin apenas hacer ruido para saludarte y también agradecerte tus lindos comentarios que me dejaste en mi blog, tú sabes que siempre serás bienvenido.
Precioso y hermoso post, con un lindo poema romántico, elevado a la mayor potencia, como hay que sentir el amor y también con una bonita música de fondo, que me me hace recordar mis tiempos mozos, solo me queda darte las gracias por compartir tú lindo blog. Te deseo un feliz día del martes lleno de sensaciones positivas.
Un abrazo desde la distancia de un amigo y seguidor.

17 de maio de 2011 às 15:58  
Blogger Leninha disse...

Querido amigo,estou passando por aqui para agradecer as belas palavras que deixou no meu canto...também me recordo da época da guerra,só que por outra ótica:a de uma menina,vivendo em uma cidadezinha do interior,na casa dos avós vendo a fartura se transformar em cupons de alimentos,em filas para consegui-los e a preocupação dos pais,tentando aparentar uma tranquilidade,uma calma para que ela não sofresse.......esta,a minha recordação da guerra,bem mais fácil que a sua,meu amigo...
UM abraço,que, espero, atravesse o mar que nos separa

17 de maio de 2011 às 22:27  
Blogger Leninha disse...

Querido amigo,denovo estou aqui para lhe agradecer a visita e também para peguntar como devo fazer para colocar estas belíssimas músicas no meu blog.Já tentei e não consegui.Uma noite muito feliz para vc,amigo.

19 de maio de 2011 às 01:39  
Blogger Leninha disse...

Corrigindo:de novo---perguntar...DEVE SER O SONO QUE ESTÁ ME FAZENDO PULAR LETRAS

19 de maio de 2011 às 01:42  
Blogger OceanoAzul.Sonhos disse...

Sol da Esteva, gostei de te ler...por aqui também se sonha :)
Parabéns!
beijos
oa.s

19 de maio de 2011 às 13:38  
Blogger Leandro Ruiz disse...

...estou passando para retribuir a visita comentada...

Paz e bem!

Leandro Ruiz

www.lleandroaugustto.blogspot.com

www.eu-e-o-tempo.blogspot.com

19 de maio de 2011 às 14:06  
Blogger Cristal de uma mulher disse...

Acordar sonhando é um lindo título porque sonhar é nossa vida. Sobre o comentario eu te agradeço de coração sabendo que tua poesia que agora conheço faz parte do amor e o amor é universal..
Você é lindo..Obrigada e beijos

19 de maio de 2011 às 14:32  
Blogger Sergio Martins disse...

O amor tem esse poder de mudar nosso itinerário íntimo, o real, o bisonho... Belo poema, parabéns!

3 de junho de 2011 às 00:08  
Blogger C. disse...

Tao difícil qualquer ato de gratidão atualmente, que acredito a pessoa homenageada deve ter ficado muito mais grata!

Hoje foi engraçado, te vi no Amadeirado da Lena e pensei "como ele comenta bacana", aí por último na Yasmine, acho era um "mandato" pra eu vir aqui rs.

Lindo poema!

5 de junho de 2011 às 20:22  
Blogger Rosi Alves... disse...

AMEI SUA POESIA.BEIJOS

9 de junho de 2011 às 09:22  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial